Dados em função do Marketing Digital

A mídia digital se desenvolve e moderniza cada dia mais, ganhando espaço dentro do ramo publicitário. Influenciando o modo de compra dos consumidores. A publicidade digital, por sua vez, tem suma importância para a comunicação e o mercado em geral. Através de “Dados” é possível ter ciência do seu público e alvo e possíveis consumidores a partir das informações adquiridas por esse uso de dados e da capacidade apresentada por eles para gerar ações instantâneas para as marcas.
Essa crescente estratégia de marketing nos permite ter a dimensão do que são os dados no cenário atual. A diretora geral da Smartclip Brasil, Riza Soares, discute sobre. “As iniciativas relacionadas aos dados estarão cada vez mais maduras este ano. O uso de dados será mais importante para a nossa economia do que foi o petróleo um dia. É e será um recurso imprescindível na estratégia de negócios de qualquer empresa, seja ela privada ou pública ou de outra natureza”.
Os dados são por assim dizer informações dadas, ou não, pelo indivíduo. É possível obter referências através de declarações feitas pelo usuário, como por exemplo a assinatura; também é possível coleta-las através de dados observados que são aqueles que não são explícitos mas possíveis de deduzir. Ao transformar as informações em resultância, é possível estimar a performance e criatividade das empresas publicitárias.
Outras formas de coletar dados é partir dos contatos, demograficamente, intenções, geolocalização, compra, interesse e afinidade. Com isso há locais mais específicos como os próprios pontos de venda, as redes sociais e web crawling para coletar todas essas informações que ajudarão a atingir o público alvo.
Para que haja uma ordem e evitar uma invasão na privacidade dos usuários, é necessário que hajam leis que controlem esse acesso. Sendo assim, a “Políticas de Privacidade”, boas práticas (opt in, opt out) e Regulamentação com auxílio de medidas como Do Not Call do Procon, Marco Civil e PL – Proteção de dados, são formas de legalizar o acesso à essas informações.
Além disso, há a Regulamentação Geral de Proteção de Dados que consiste justamente nesse controle para que haja o crescimento desse mercado programático. Foi adotada em abril de 2015 no Reino Unido e no Brasil entrará em vigor em maio desse ano. Entre as propostas, a regulamentação enumera meios que autorizam e permitem a transferência internacional de dados.
Com isso, é possível notar que a cada dia mais a coleta de dados é uma estratégia de marketing cada vez mais efetiva para a publicidade digital.

 

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s