Nosso histórico on-line como produto

Nos primórdios da internet entendíamos como histórico a lista de sites acessados registrados em ordem cronológica em uma área especifica dos navegadores, quando falamos de histórico da internet em 2018 um numero gigante de fatores são somados e resumi-los em uma lista é tarefa praticamente impossível.

Praticamente todos nossos dispositivos digitais acumulam gigabytes de dados diariamente, informações como a localização precisa, hábitos de consumo, mais variados gostos e intenções são armazenados e capazes de traçar um perfil preciso de cada usuário. Essas informações são valiosas para diversos setores, na publicidade para o direcionamento de ações, para governos e empresas traçando um perfil de uma infinidade de grupos possíveis. Podemos definir essa coleta de dados como uma troca, topamos dar todas essas informações para empresas como Facebook, Google, Apple pois os produtos por ela oferecidos são extremamente atrativos e capazes de criar uma dependência, participar deste “esquema” se torna uma obrigação desagradável, o ônus.

Após coletados os dados e os usuários envolvidos com as plataformas o uso destes é definido pelas próprias empresas, e isto é muito perceptível perceptível na publicidade digital. Diferente da mídia tradicional de massa onde um anuncio atingiria toda a audiência para então afetar os interessados nos meios digitais a analise destes dados permite uma segmentação de anúncios. É possível por exemplo bombardear os celulares e computadores de um usuário que tenha pesquisado “hoteis no Rio de Janeiro” com anuncio de agências de turismo ou aplicativos de hospedagem, a propensão para a compra está definida pelo interesse do usuário.

A localização é algo dispositivo muito explorado para a publicidade direcionada e não está diretamente ligada aos gostoso do usuário e sim pela sua posição geográfica, seria ineficiente e até burro gastar recursos para exibir um de um restaurante para um usuário que esteja a 10Km do estabelecimento, com recursos de publicidade geo- direcionada é possível exibir um anuncio para pessoas dos mais variados perfis que estejam a uma distancia estabelecida do empreendimento.

Atualmente a discussão é sobre como este uso de dados deve ser controlado, países europeus avançam na regulamentação de tais veículos, mas por se tratar de algo novo e em constante mudança está se mostra uma tarefa mais difícil.

Luiz Fernando Silva e Silva

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

w

Connecting to %s