Dados de um novo comércio

Nos últimos anos a questão de limites entre o privado e público vem recebendo muita atenção, assim levantando esta grande questão: até onde a nossa vida é realmente privada?

Com a vinda das mídias/redes sociais, o conceito do “privado” foi extremamente afetado e enfraquecido com tal desenvolvimento tecnológico. Quanto mais as pessoas entravam em contato com esse mundo, mais uma cultura de “ser público” crescia, em que compartilhar todos os detalhes e momentos da vida em seus perfis começava a se tornar o ideal para tal público. Este “ser público” não recebe este nome apenas pelo fato de postar suas opiniões, seus acontecimentos de vida e até mesmo o seu dia a dia na web, é primordialmente chamado assim porque ao praticar estas ações, ele está abrindo mão de muitos de seus dados privados.

Quem aqui realmente já leu os famosos “Termos de Uso” que os sites e aplicativos sempre nos fornecem durante o cadastro de uma conta nova? O público já está tão acostumado com esta vida online sem filtros que nem ao menos questiona os termos, pois ou o usuário aceita os termos ou acaba abrindo mão de participar de tal novo trend que todos os seus amigos estão participando. Entretanto, ao aceitar os termos de uso, o consumidor disponibiliza todos os seus dados para a devida empresa dona da página ou do aplicativo para utilizar da forma que bem entender.

Antes de prosseguirmos com esta linha de raciocínio, é muito importante especificar o que são esses dados que estão sendo citados acima. Dados são nada mais nada menos que todo e qualquer tipo de informação que uma pessoa fornece para um lugar. Estas informações acabam sendo classificadas de formas diferentes. Informações PII são os dados mais facilmente “entregues” pela população para as empresas, pois consistem em dados pessoais como nome, idade, nascimento, gênero e todas as outras informações que todo cadastro pede ao seu usuário. Existem também os dados SPI, que são mais sensíveis e geralmente vem com garantia de que caso o consumidor os entregue, estarão extremamente protegidos, como dados financeiros (numero do cartão de crédito); dados observados são dados recolhidos a partir das ações do usuário na plataforma como começar a seguir alguns perfis de cantores sertanejos, assim concluindo que ele gosta de tal gênero, ou até mesmo por quanto tempo o usuário observa devidas fotos, assim fazendo com que as fotos mais observadas apareçam com mais frequência; A coleta de dados anônimos são geralmente dados coletados em pesquisas, os quais tem fundamento combinar informações para atingir o público da melhor forma em relação aos conteúdos consumidos. Por fim, os Declarados seriam dados que o próprio usuário declara na internet.

Com esta coleta de dados tão massiva acontecendo nas empresas, o mercado começa a arranjar formas de lucrar com esta situação e com isso começam a desenvolver um vasto mercado de venda de dados para empresas comerciais e também desenvolvem o conceito da coleta de dados, indo além desse simples processo, começando a analisar os dados e usufruir dos resultados para conseguir uma forma mais eficaz de publicidade e propaganda digital. Por exemplo, o indivíduo está pensando em jantar em casa e abre diversos sites de restaurantes  com opção de delivery, e por fim acaba pedindo uma pizza do Pizzahut pelo site do IFood. Se minutos depois desta ação o usuário acabar entrando no Facebook, verá minimamente dois anúncios da marca da entrega IFood em seu feed.

Este mercado de dados acaba sendo uma faca de dois gumes pois por um lado, empresas e consumidores vivem em grande sintonia, sempre acontecendo feedback de ambas as partes e tendo, mais do que jamais foi visto, o melhor atendimento (sendo ele direto ou indireto) ao consumidor em relação aos produtos e conteúdos que lhe são oferecidos. Por outro lado, o preço que é pago em relação a toda essa interação é a tão discutida limitação da privacidade do ser na sociedade, onde como já citado anteriormente, se encontra cada vez mais sacrificada por conta desta cultura da vida como “ser público”.

 

Gustavo Camanho

 

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s